Oficina “O Ser Político”

16/04/2016

12928264_1136921196340772_3607647247522372102_n

Nos dias 29 e 30 de março de 2016, como parte das atividades do PCDI – Programa Compartilhado de Desenvolvimento Institucional, aconteceu a Oficina “O Ser Político”, no Hotel Promenade Lagoa Santa, com 19 participantes da cidade e de toda a Grande BH. A facilitadora Lindalva Correia veio de Recife para mexer profundamente com os seres políticos presentes.

O objetivo da oficina é contribuir com a promoção do desenvolvimento do pensamento político, na perspectiva do surgimento de novos sujeitos na política, capazes de promover mudanças no atual sistema vigente, em nome da democracia e da sustentabilidade. Para atingir o que se propõe, a base são dinâmicas que colocam o conhecimento e a experiência do participante no centro do processo de aprendizagem, estimulando a inovação consciente e genuína.

Foram dois dias de atividades que permitiram os participantes descobrirem e identificarem seus sujeitos políticos, ampliarem a capacidade de compreender a dimensão política a partir das suas próprias práticas. Não havia resposta pronta ou conceito definido. Havia sim muitos questionamentos e reflexões.

No programa que os participantes receberam antes da oficina, definia que o resultado neste processo não se quantifica, ele se movimenta abrindo espaço para a mudança em cada um que o vivência. Se há uma certeza é que todas 19 pessoas que estiveram na oficina “O Se Político” saíram de lá bem diferentes que entraram, mais fortalecidas e com a percepção política ampliada.

A oficina marcou a preparação para uma nova fase do Programa de Desenvolvimento Institucional da Conviver Saber Social, com o apoio do Instituto C&A.

voltar

Gostou deste conteúdo? Deixe um comentário!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>